Raquel Rodrigues

Eu sou empreendedora, curiosa, criativa, escritora, palestrante, facilitadora e networker
por vocação.

7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes – Uma vitória particular

Uma vitória particular

É uma vitória particular incorporar
os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes

Torcia o nariz toda vez que via a capa do livro Os 7 Hábitos das Pessoas Altamente Eficazes. “Escritor de palco que vai me dizer para acordar às 5h da manhã se quiser ter uma vida produtiva”, pensava. O preconceito nosso de cada dia.

No entanto, sempre citei o Stephen R. Covey em minhas apresentações, mas nunca lhe dei o devido crédito. Sabia apenas que era uma personalidade da administração e pega muito bem destacar seu nome.

Como para falar mal é preciso conhecer, decidi ler o livro. E fiquei de boca aberta. Mesmo! Impressionante como os 7 hábitos estão alinhados com o que tenho buscado desenvolver.

Recomendação de leitura para transformar a vida

A narrativa é envolvente, rica em experiências e de conteúdo prático. Aquele bom papo com um amigo querido que ilumina suas dificuldades.

Ao propor a quebra de paradigma sobre hábito e eficácia, me ganhou. Primeiro trata de alguns conceitos, na sequência aborda a importância de entendermos o Continuum da Maturidade, que vai da dependência para a independência até alcançar a interdependência, e então explica cada hábito.

Os três primeiros estão vinculados ao autoconhecimento e refletem a Vitória Particular. Os três seguintes fortalecem os relacionamentos e representam a Vitória Pública. O sétimo renova os seis primeiros e cria a interdependência efetiva.

São eles:

  1. Seja proativo: como ser responsável pela sua própria vida e ter liberdade de escolha.
  2. Comece com o objetivo em mente: como compreender qual direcionamento quer dar para sua vida, definir sua missão pessoal e quais passos deve dar hoje para alcançar esse objetivo.
  3. Primeiro o mais importante: como exercitar e praticar a autoconsciência para a realização com vontade e disciplina.
  4. Pense ganha/ganha: como funcionam as interações humanas e ter mentalidade de abundância.
  5. Procure primeiro compreender, depois ser compreendido: como ouvir com empatia e comunicar com o coração.
  6. Crie sinergia: como valorizar as diferenças e encontrar alternativas.
  7. Afine o instrumento: como tratar as quatro dimensões da renovação e criar uma espiral ascendente de aprendizado, dedicação e ação.

continumdamaturidade7habitos

Minha observação

Percebi o quanto sou Perde/Ganha e me deixo influenciar pelo externo, desperdiçando meu foco. Comecei a observar minha conduta nas relações, dizer mais não para o que não tem sentido e usar o Plano Semanal de Trabalho para organizar as prioridades.

De maneira muito autêntica, Stephen nos lembra sobre os princípios universais de conduta e faz sugestões de aplicação de cada hábito para que possamos verdadeiramente aproveitá-los com determinação.

Se estivesse vivo, daria um jeito de fazê-lo saber que sou muito grata e me junto a ele nessa emocionante aventura.
E essa é minha primeira vitória particular!